Buscar

Um Pequenino Grão de Areia


Rezando o Salmo da Vida!

Senhor, a quem comparar o Reino!

A um pequenino grão de mostarda.

Uma semente tão pequena...

Mas, “alguém” a toma pela mão,

Acredita na sua força,

e o semeia no campo do coração humano,

Ah! Milagre dos milagres ,

Ela cresce , fica até maior que as outras plantas.

Olha! Até os pássaros do céu , vem fazer ninho em seus ramos.

Amado Senhor, assim é o Amor.

Esse amor que semeastes em meu coração.

Parecia tão pequeno.

O terreno não parecia bom,

Mas, acreditastes e semeastes e a semente germinou...

Cresceu.cresceu.

E hoje, Amado Senhor, contemplo maravilhada

O tamanho, a força daquela semente. Ah! O amor, cresceu tanto que já não cabe em meu peito. Outros vem nela procurar descanso, um consolo, uma sombra, uma ajuda.

Que feliz eu sou, porque Alguém acreditou em mim,

E plantou em meu coração

Aquilo que na seara do mundo tanta falta faz: o AMOR

“Se o Grão de trigo não morrer, ficará só.”(Jo 12,20-33)

Escondida ali, debaixo da terra, envolvida pelo absoluto silêncio, a semente germina e vai crescendo . E cada árvore vive intensamente o tempo que lhe cabe viver...

Escreva, você também, o seu Salmo de vida , anote os sentimentos predominantes.


Arquidiocese de Belo Horizonte | Paróquia Santo Antônio Vila Belém

Rua Sidônia, 185 - São Salvador | Belo Horizonte

(31) 3477-6031

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram